Imagem de ângulo amplo de milhares de galáxias distantes

Uma nova imagem de ângulo amplo divulgada pelo Observatório Europeu Sul, o ESO, apresenta milhares de galáxias distantes, com destaque especial para um grande grupo pertencente ao aglomerado Abell 315.

A imagem pode parecer superlotada, mas as galáxias de Abell 315 são apenas uma pequena parte da massa total do aglomerado, que é dominado pela chamada matéria escura.

Segundo o observatório, a luz de alguns desses conglomerados de estrelas viajou 8 bilhões de anos até chegar a nós.

O ESO afirma que quando olhamos para o céu a olho nu podemos notar ape
nas as estrelas da Via Láctea e alguns de suas vizinhas mais próximas.

Galáxias mais distantes brilham muito fraco para sem percebidas pelo olho humano, mas, se pudéssemos vê-las, elas literalmente cobririam o céu.

(Clique na imagem para ampliar)

1 comentários:

@nath_ommundsen said...

Eu queria ter um olho sobre-humano pra poder ver todas essas estrelas...

Post a Comment