Nebulosa rodeia uma estrela anã-branca perto de sua morte

  • Novas observações da Nebulosa planetária IC 1295 mostram que a anã-branca que essa bolha verde rodeia está perto da morte: o pequeno ponto azul no centro é o que resta do núcleo queimado da estrela. 

As nebulosas planetárias são bolhas formadas pelo gases da atmosfera de estrelas massivas que foram expelidos após fusões instáveis. 

Já o brilho resulta da intensa radiação ultravioleta emitida pela anã-branca, tendo diferentes cores para os elementos químicos. 

No caso da IC 1295, que fica na constelação do Escudo, a 3.300 anos-luz de distância da Terra, o tom esverdeado surge do oxigênio ionizado. 

As imagens foram feitas com o telescópio VLT, localizado no Cerro Paranal, no Chile, do Observatório Europeu do Sul (ESO, na sigla em inglês).

Veja:

 

0 comentários:

Post a Comment