Depois de 40 anos, astrônomos desvendaram o mistério da origem da 'Corrente de Magalhães'

  • Astrônomos desvendaram a origem da 'Corrente de Magalhães', uma grande faixa de gás que se estica por metade da nossa Via Láctea. 

Desde a década de 1970, quando a região foi detectada, os cientistas querem saber se foi a Pequena ou a Grande Nuvem de Magalhães quem liberou material para a região. 

Novos dados do telescópio Hubble, que mediu os elementos pesados em seis pontos diferentes da Corrente, colocaram fim ao mistério de 40 anos ao apontar que o material veio das duas galáxias vizinhas. 

Segundo a Nasa (Agência Espacial Norte-Americana), a Pequena Nuvem de Magalhães criou a região há mais de 2 bilhões de anos, quando lançou no espaço oxigênio e enxofre (os gases ocupam quase toda a região, mas em níveis mais baixos), mas, durante uma segunda fase, a Grande Nuvem liberou mais enxofre (gás encontrado em abundância perto da galáxia).

Veja:

  

0 comentários:

Post a Comment