Nasa lançou em 2013 uma cápsula rumo à Lua para resolver o 'mistério' dos crepúsculos lunares


  • A Nasa lançou no dia 7.9.13 a partir de uma ilha no litoral da Virgínia uma cápsula robótica que orbitará a Lua para resolver um mistério de cinco décadas: os crepúsculos lunares.

A sonda chamada Explorador de Atmosfera e Ambiente de Pó Lunar (LADEE na sigla em inglês) tem o tamanho de um automóvel compacto, pesa 383 quilos e partiu desde a instalação da Nasa em Wallops Island, acoplada em um foguete Minotaur V, usado pela primeira vez para este tipo de missões.

Um dos propósitos da missão, disse a agência, é determinar se há pó lunar no alto da atmosfera da Lua.

O veículo espacial traçou um arco iluminado de sudeste a nordeste, visível da Carolina do Norte até o Maine, e sete minutos depois se separou do segmento propulsor principal fazendo sua travessia rumo à órbita lunar.

Os cientistas querem determinar se o pó lunar carregado eletricamente pela luz do sol foi a causa do resplendor na aurora sobre o horizonte da Lua detectado pelos astronautas durante várias missões da era de Apollo nas décadas de 1960 e 1970.

'Às vezes nos surpreendemos quando começamos a falar de uma atmosfera lunar porque a maioria de nós aprendeu na escola que a Lua não tem atmosfera', comentou em uma teleconferência Sarah Noble, cientista do programa LADEE.

'Existe, mas é muito, muito tênue', acrescentou.

'Uma atmosfera tênue como a da Lua pode ser mais comum no Sistema Solar do que pensávamos', explicou em entrevista coletiva John Grunsfeld, administrador para ciência na agência.

'Um melhor conhecimento da atmosfera lunar poderia nos ajudar a entender melhor nosso diverso Sistema Solar e sua evolução', acrescentou.

Veja como foi o lançamento:




0 comentários:

Post a Comment