Pesquisa indica que região de crateras em Marte surgiu de forte erupção vulcânica e não pelo impacto de corpos celestes


  • Nova pesquisa sugere que uma grande região de crateras de Marte foi formada por uma forte erupção vulcânica, e não pelo impacto de corpos celestes. 

Segundo Joseph Michalski, do Instituto de Ciência Planetária de Tucson, nos Estados Unidos, as depressões irregulares da Arábia Terra, uma região elevada do planeta vermelho, são, na verdade, as 'caldeiras' de antigos supervulcões que fizeram parte de uma província vulcânica até então desconhecida dos cientistas. 


Abaixo, vista da bacia Éden Patera, que foi alvo de estudos do grupo dos EUA: os tons vermelho e amarelo indicam as grandes elevações, enquanto as cores cinza e azul representam os locais mais baixos.

Veja:



0 comentários:

Post a Comment