O planeta Mercúrio está 7 km menor do que quando sua crosta se solidificou há mais de 4 bilhões de anos


  • O planeta Mercúrio está hoje cerca de 7 km menor do que quando sua crosta se solidificou há mais de 4 bilhões de anos, segundo uma pesquisa feita pela agência espacial americana, a Nasa. 

O menor planeta do Sistema Solar - e o mais próximo ao Sol - se esfriou ao longo do tempo provocando um enrugamento da superfície. 

Cientistas perceberam pela primeira vez o fenômeno quando a sonda Mariner 10 passou próximo ao planeta nos anos 1970.

No entanto, imagens recentes do satélite da Nasa Messenger permitiram que os pesquisadores aperfeiçoassem suas estimativas a respeito do tamanho da retração do planeta. 

E, conforme artigo divulgado na publicação científica 'Nature Geoscience', o encolhimento é significativamente maior do que se pensava anteriormente (de 1 a 3 km).

O satélite Messenger entrou na órbita de Mercúrio em 2011,  e já fotografou 100% do planeta. 

Isso permitiu um estudo mais amplo das características de Mercúrio. 

A nova avaliação calculou que a retração chega a 7 km do raio do planeta - estimativa mais próxima dos estudos de modelagem. 






































0 comentários:

Post a Comment